//

segunda-feira, 17 de abril de 2017

Uma casa no Rio

Na boêmia rua do Pacheco Leão, no Rio de Janeiro, se encontra essa linda casa, veja só. Projeto do escritório Atelie da Arquitetura.











Fonte: Atelie da Arquitetura.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Um lar projetado por Isay Weinfeld

O aclamado arquiteto funde materiais naturais e texturas sofisticadas em um refúgio para uma jovem família paulista














Revista AD



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Cheia de arte

Esse apartamento no Rio, tem como seu ponto forte as obras de arte do proprietário









Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O lar da atriz Kim Catrall

A atriz canadense que fez sucesso no Sex and the City, procurou preservar suas raízes mantendo uma casa na ilha de Vancouver, a 40 minutos da casa onde cresceu. Simples e acolhedora, bem diferente do personagem excêntrico pelo qual é reconhecida.







Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Com vista para o Rio

Morar bem, e ainda ter a oportunidade de abrir a janela e da de cara com essa vista maravilhosa.











Atelie da Arquitetura 



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

A prioridade é estimular o convívio

Se você pergunta "o que norteou o projeto da sua casa?" a um arquiteto, as respostas esperadas estão nesta toada: a escada escultural como ponto focal; a solução das portas deslizantes; a paleta de cores inusitadas. Mas não foi isso que a arquiteta Anna Backheuser, do Ateliê de Arquitetura, respondeu à pergunta. "A união da minha família", foi o que ela disse. Por causa desse ideal, diversas paredes de seu apartamento de 260 m², em Ipanema, vieram abaixo. "Eu quis ter contato constante com meus filhos, por isso quebrei paredes, integrando os espaços que eram divididos – hall, sala de estar, sala de jantar e sala e de TV – e criando praticamente um único ambiente", explica Anna. "Além disso, deixei os dormitórios das crianças sem TV e computador. Está tudo na sala íntima, assim permanecemos todos sempre juntos e aprendemos a conviver", completa. A tal sala íntima é resultado da conversão de um dos quatro dormitórios do apartamento. O cômodo liga a sala de jantar ao corredor que concentra a entrada dos três dormitórios remanescentes. É possível isolar o ambiente: uma porta de correr encasulada em uma parede pode ser fechada. Há apenas um computador sobre a mesa e um futon em frente a TV. A ideia é não estimular a dedicação de muito tempo à essas atividades individualizantes

















Casa Vogue



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...